Notícias no concelho de Batalha

Voltar

Pág.: 1
2018-07-17 00:00 - C.M. Batalha

Decorrendo o período de discussão pública do Programa Nacional de Investimentos 2030 - Plano Estratégico dos Transportes e Infraestruturas (PETI 3), a Câmara Municipal da Batalha volta a reclamar a execução do Nó IP1/ IC9, no lugar de Casal do Meio, na Freguesia de São Mamede.


O Município sustenta esta reivindicação atendendo ao já consignado Programa de Valorização de Áreas Empresariais, estando previstos significativos investimentos em Áreas de Localização Empresarial (ALE) no Concelho da Batalha, permitindo a ligação ao IC9, uma melhoria significativa da rede de estradas existentes ao Itinerário complementar. No caso em apreço, a futura ALE de São Mamede conta já com a implantação de um importante investimento estrangeiro do grupo italiano Fassa Bortolo, destacando-se ainda a presença nesta freguesia, daquela que é a maior empresa produtora de faiança de toda a Península Ibérica e uma das maiores da Europa.



A exposição efetuada pela Autarquia da Batalha quanto à necessidade imperiosa para a construção do nó de ligação ao IC9, nos moldes propostos, destaca que esta intervenção é elegível no âmbito do Portugal 2020, cuja reprogramação foi recentemente aprovada pela Autoridade de Gestão, considerando-se que o investimento nas acessibilidades às Área de Localização Empresarial é imperioso.


A importância da construção desta ligação rodoviária motivou a Câmara da Batalha, em finais de 2014, a remeter uma proposta de traçado ao Governo e à empresa Infraestruturas de Portugal, SA, tendo o projeto sido incluído no Plano de Ação de Mobilidade Urbana Sustentável da Região de Leiria e objeto de avaliação pelo atual Governo, em reunião de 24 de maio de 2016, com o Secretário de Estado das Infraestruturas, Guilherme d’Oliveira Martins.


Atendendo à relevância estratégica desta intervenção para toda a região, a Edilidade da Batalha manifestou junto do Governo e da Infraestruturas de Portugal disponibilidade para comparticipar financeiramente o projeto, com um custo estimado de 600 mil euros.


Paulo Santos, Presidente da Câmara da Batalha, destaca, em complemento, que a construção do nó no lugar de Casal do Meio, “afigura-se como uma opção fundamental para garantir o desenvolvimento das empresas já existentes, mas também aquelas que futuramente se instalarão na Área de Localização Empresarial de São Mamede”.


Entende ainda o Autarca que esta opção, que vem sendo reclamada há vários anos pelo Município, terá impacto muito positivo no que se refere à dinamização turística de toda a região.



“A ligação Fátima/Batalha representa o principal fluxo de tráfego rodoviário do IC9, amplamente justificada pelo crescente número de visitantes do Mosteiro da Batalha, o terceiro monumento mais visitado do país, que vem crescendo significativamente o número de turistas, destaca o Autarca.

2018-07-13 00:00 - C.M. Batalha

De 17 a 22 julho, a Batalha volta a promover-se numa das ruas mais movimentadas do país, participando pela terceira vez no evento “Vinhos de Lisboa na Rua Augusta”. A iniciativa, organizada pela Comissão Vitivinícola da Região de Lisboa, Comunidade Intermunicipal do Oeste, com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa, tem como objetivo a promoção dos vinhos da região vitivinícola da região de Lisboa, bem como o património e a gastronomia que caraterizam os diversos municípios participantes.


A convite da Câmara Municipal da Batalha, participará também no certame a Adega Cooperativa da Batalha que dará a conhecer aos milhares de visitantes que diariamente afluem ao evento, os vinhos de eleição produzidos na Batalha.



A terceira edição de “Vinhos de Lisboa na Rua Augusta”, funcionará diariamente das 12h00 às 21h00, sendo a entrada gratuita.
Atendendo à forte afluência de público nacional e estrangeiro que o evento regista, Paulo Santos, Presidente da Câmara Municipal da Batalha destaca “a mais-valia da iniciativa no contexto da promoção do concelho, do património e dos produtos endógenos”.



Entende ainda o Autarca que a participação do Município da Batalha no evento “Vinhos de Lisboa na Rua Augusta” contribui “para a promoção dos vinhos de qualidade reconhecida da Adega Cooperativa da Batalha, num setor de atividade exigente como é a produção vitivinícola que carece de promoção e de ações de notoriedade constantes”.

2018-07-05 00:00 - C.M. Batalha

A Câmara Municipal da Batalha informa os Encarregados de Educação que se encontram abertas até ao dia 20 de julho, as inscrições para o próximo Ano-letivo (2018/2019), relativas aos ATLs e ao serviço de fornecimento de refeições.


Por forma a facilitar o processo da inscrição, poderá aceder aos formulários disponibilizados nos links seguintes ou, em alternativa, nas Escolas do Concelho ou nas instalações da Câmara Municipal.



Para proceder à inscrição nos serviços atrás descritos, necessita dos seguintes documentos:


› Ficha de Inscrição;
› Prova de Residência (Recibo da Água, Luz, Renda ou Telefone);
› Declaração do Escalão de Abono (se for Escalão 1 ou 2);
› Declaração completa de IRS do Agregado Familiar do ano 2017;
› Nota de Liquidação de IRS do ano 2017;
› Prova de Despesas de Habitação e Saúde por elemento do Agregado Familiar (anexo H ou
documento extraído do e-fatura);
› Prova de Pensão de Alimentos Decretada pelo Tribunal (no caso de famílias monoparentais).


 


Aceda aqui ao formulário de inscrição: Jardim-de-Infância


Aceda aqui ao formulário de inscrição: Ensino Básico


Aceda aqui ao flyer informativo.


 


Os formulários em causa, encontram-se também disponíveis nos Serviços online do Portal do Município da Batalha (Balcão virtual -> Requerimentos -> Educação), podendo ser acedidos através do link: http://www.municipio-batalha.pt/mynet/.


 

2018-07-03 00:00 - C.M. Batalha

A Assembleia Municipal da Batalha, realizada no passado dia 27 de junho, declarou por unanimidade, apoio à candidatura de Leiria a Capital Europeia da Cultura em 2027. A moção aprovada pelos deputados, expressa total apoio e empenho no sucesso da candidatura de Leiria a Capital Europeia da Cultura “pela inequívoca dimensão regional deste projeto que, a concretizar-se, representará uma enorme mais-valia para cultura, criatividade e promoção das indústrias criativas de toda a região de Leiria e Oeste”.


Recorde-se que em fevereiro de 2016, a Câmara Municipal da Batalha expressou formalmente ao Presidente da Câmara Municipal de Leiria, Raul Castro, o apoio a esta candidatura, por considerá-la da maior importância para toda a região.


A moção, apresentada pelos deputados do PSD, enfatiza que se justifica, face à candidatura encetada, que o apoio de um Município detentor de património da Humanidade, como o Mosteiro da Batalha e de um Museu distinguido com o prémio Kenneth Hudson do Fórum Europeu dos Museus, poderá constituir uma mais-valia para a candidatura de Leiria.



O documento subscrito e aprovado por todas as bancadas, refere que nos últimos tempos “têm surgido candidaturas alternativas na região Centro, bem como de opiniões de responsáveis regionais que suscitam a dúvida sobre as potencialidades e o interesse estratégico para toda a região de Leiria da candidatura a Capital Europeia da Cultura 2027”. Para os deputados batalhenses, “é fundamental garantir o apoio a esta candidatura regional e reafirmar que o Município da Batalha coloca o seu empenho em ser um parceiro fundamental na candidatura Leiria Capital Europeia da Cultura 2027”.


 


Fotografia: Direitos reservados

2018-07-01 00:00 - C.M. Batalha

 


Num estudo de opinião realizado telefonicamente no Município da Batalha, com o intuito de facultar à Autarquia dados alusivos à perceção dos eleitores sobre questões relacionadas com gestão autárquica, quase 50% dos inquiridos concorda com a intervenção realizada pelo Município na frente do Mosteiro. Quando inquiridos sobre se tinham conhecimento sobre o projeto concretizado, mais de 84% dos batalhenses disse conhecer a obra em causa.


É ainda possível constatar, pelas respostas obtidas, que os munícipes conhecem relativamente bem a empresa concessionária pela gestão e fornecimento de água no concelho. Como nota de destaque, 56% dos inquiridos dizem-se muito satisfeitos quanto à qualidade do serviço prestado.


Para além da avaliação da qualidade do serviço concessionada de água, este estudo de opinião realizado sob a coordenação do Professor Aguiar Falcão de Castro analisou outras áreas de intervenção da Câmara Municipal, como a possível política a possível entrega aos municípios da gestão dos Centros de saúde, a perceção sobre obra ambiental realizada para proteger o Mosteiro da batalha ou o conhecimento das expetativas da população sobre potenciais obras/intervenções a realizar no concelho.


Relativamente à saúde, cerca de metade dos inquiridos concorda com a opção do governo em entregar aos municípios a gestão dos Centros de Saúde e apenas 12,4% apresenta a sua discordância, registando-se ainda 37,6% dos consultados sem opinião sobre esta questão. Como prioridade de intervenção neste domínio, os batalhenses consultados expressam a necessidade de mais médicos e enfermeiros (47%), seguindo-se o alargamento dos horários dos centros de saúde (30%). A construção de um novo centro de saúde é uma necessidade para cerca de 10% dos inquiridos.



No entender de Paulo Batista Santos, Presidente da Câmara Municipal da Batalha, a realização do estudo de opinião em causa “fornece um conjunto de indicações relevantes e no projeto de proteção ambiental do Mosteiro, como na avaliação do serviço de fornecimento de água, podemos concluir que existe uma perceção positiva da população, mas temos que reforçar alguns aspetos na comunicação aos cidadãos da importância estratégica das áreas ambientais para futuro do concelho”.


No tocante a projetos prioritários para o futuro, os batalhenses consultados identificam como principal prioridade a realização da designada ecovia nas margens do rio Lena (52%), um projeto que se encontra em fase final de desenvolvimento e que no futuro será alargado aos municípios de Porto de Mós e Leiria. Em contrapartida, apenas 11,4% dos inquiridos consideram relevante a concretização do Pavilhão Desportivo de São Mamede, uma intervenção que está prevista realizar em parceria com a Junta de Freguesia de São Mamede.


De igual modo, a melhoria da rede viária municipal e a ampliação das redes de saneamento continuam a ser projetos necessários para a maioria dos consultados no estudo, seguindo-se a ampliação da zona industrial da Jardoeira (Batalha).


“Os resultados deste estudo de opinião serão avaliados pelo executivo municipal em próxima reunião e estou certo que será um indicador importante para a construção do orçamento municipal de 2019, porquanto representa um contributo dos cidadãos na definição das políticas locais”, acrescenta o autarca batalhense.


 


Consulte aqui a ficha técnica do estudo:  www.municipio-batalha.pt/FICHA TÉCNICA PARA DIFUSÃO.pdf

2018-06-21 00:00 - C.M. Batalha

De 21 a 24 de junho, a Batalha recebe o maior evento desportivo nacional da modalidade do Andebol, envolvendo a participação de escalões infantis.



São mais de 1200 atletas oriundos de norte a sul de Portugal, incluindo ilhas que, para além da participação em dezenas de jogos, estarão envolvidos num amplo programa de atividades lúdicas e culturais.


O Encontro Nacional de Infantis em Andebol apostará numa matriz solidária, traduzindo-se na angariação de verbas para os Bombeiros Voluntários da Batalha através da doação de um euro pela venda de artigos de merchandising associados ao evento, bem como na promoção de uma alimentação saudável, com distribuição gratuita de fruta pela Autarquia da Batalha no decurso do Plano de Ação Mundial para a Promoção da Atividade Física 2018-2030, recentemente apresentado em Lisboa a que o Município da Batalha aderiu.


Atendendo ao elevado número de equipas envolvidas no evento, a organização distribuiu os jogos por diversos equipamentos desportivos, designadamente os pavilhões da Batalha e da Golpilheira, bem como nos equipamentos existentes nas localidades de Alcaidaria, Casal do Marra,


Quinta do Sobrado e na Exposalão. As finais decorrerão no próximo domingo, às 10h00 e às 12h00, no Pavilhão da Batalha.


Aponta Paulo Santos, Presidente da Câmara Municipal da Batalha que “o Encontro Nacional de Infantis em Andebol resulta de um esforço coletivo que reúne o empenho e a vontade da Autarquia, da Federação respetiva, da Associação Distrital de Andebol e do Batalha Andebol Clube".


Para Paulo Santos, “a concretização deste evento, revela o dinamismo e o empenho do Município em realizar no Concelho da Batalha eventos que potenciam não só o desporto como o Turismo”.

Pág.: 1
Publicidade | Sobre o Portal Nacional | Termos e Condições | Contactos | Clientes | No Facebook | No Twitter
Portal Nacional - 2009-2018 © Webdados - Tecnologias de Informação, Lda.
Todos os conteúdos são propriedade das entidades responsáveis pelas fontes devidamente assinaladas