Deprecated: Passing parameters to the constructor is no longer supported. Please use set_feed_url(), set_cache_location(), and set_cache_location() directly. in /home/portalna/public_html/inc/system/phpclasses/SimplePie 1.3.1/library/SimplePie.php on line 640
Notícias no concelho de Ferreira do Zêzere - Portal Nacional

Notícias no concelho de Ferreira do Zêzere

Voltar

Pág.: 123
2017-11-20 09:07 - C.M. Ferreira do Zêzere

Plano de Ação para Apoio aos Deficientes Militares abreviadamente designado - PADM - surge na sequência do reconhecimento da necessidade de apoiar, de modo mais efetivo, o acesso dos deficientes militares às medidas que a legislação que se lhes aplica prevê, no domínio da reabilitação e assistência. Tais medidas e o apoio disponibilizado pelo Estado, através do Ministério da Defesa Nacional, são devidos pelo reconhecimento do direito à reparação material e moral que lhes assiste, pelas deficiências adquiridas ao serviço das forças armadas.

2017-11-18 16:47 - C.M. Ferreira do Zêzere

Esta segunda-feira, 20 de novembro, assinalam-se 30 anos da morte de uma das maiores atrizes portuguesas, Ivone Silva.

A atriz nasceu no dia 24 de abril de 1935 em Paio Mendes, Ferreira do Zêzere.

A Biblioteca Municipal Dr. António Baião vai assinalar a data com uma exposição biográfica da atriz.

 

"Ivone Silva nasceu em 1935 em Ferreira do Zêzere. Entrou para o teatro na década de 60, quase por “brincadeira”, mas também porque dentro dela já havia aquele “bichinho” . Com 16 anos emigrou para Paris, lá ficando durante 10 anos. Quando voltou a Portugal foi para o Teatro ABC, na situação de discípula, e estreia-se em 1963 na revista “Vamos à Festa”, ao lado de Maria Domingas. O talento de Ivone era tal que logo no ano de aparição foi considerada revelação do ano. Seguem-se as revistas “Gente Nova em Bikini”, “Chapéu Alto”, onde já é 1ª figura, “Lábios Pintados”, “É regar e pôr ao Luar”, “Ai, Venham Vê-las”, ao lado de Hermínia Silva, como irá novamente suceder na revista “Zona Azul”, onde representa, pela primeira e última vez, ao lado do mestre do espectáculo António Silva, “Dá- -lhe Agora!” e “Mini Saias”, todas no ABC e com produção de José Miguel. É no ano de 1966 que Ivone passa do Teatro ABC para o Teatro Maria Vitória onde entra no espectáculo “Tudo à Mostra”, ao lado de Barroso Lopes. Mas o tempo de permanência no Maria Vitória seria muito curto e Ivone volta para o Teatro ABC, para reforçar o elenco de “Mulheres à Vela”, visto que nesta altura o seu nome é já motivo de enchente no teatro. Neste espectáculo representa com Aida Baptista e Humberto Madeira. “Sete Colinas” estreia ainda em 1967 e marca, novamente, a saída de Ivone daquela sala de espectáculos. Em Dezembro aparece pela primeira vez no palco do Variedades, no espectáculo “Pois, Pois...”. Aqui o nome de Ivone aparece logo a seguir ao de Raul Solnado. O talento da actriz vai-se evidenciando em inúmeras revistas, até 1987, ano em que se despede dos palcos com a revista “Cá Estão Eles”, no Laura Alves, em vários programas de TV, de entre os quais se destaca “Sabadabadu”, com Camilo de Oliveira, e onde populariza a rábula “Agostinho e Agostinha”, no cinema, sempre em realizações de Henrique de Campos, nomeadamente em “Estrada da Vida”, “O Destino Marca a Hora” e “A Maluquinha de Arroios”, mas também em outros géneros teatrais, para além da revista. Dessas intervenções noutros géneros teatrais destacam- -se as peças “Feliz Natal Avozinha”, O Auto da Barca do Inferno” e “Auto da Índia”. As sua interpretações primorosas levou a que lhe fossem atribuídos prémios: logo em 1963, como já foi referido, ganha o prémio de Revelação do Ano, pelas suas interpretações em “Vamos à Festa”, em 1966 recebe o prémio de melhor actriz de revista e durante três anos consecutivos foi considerada, pela “Nova Gente”, a melhor actriz do ano. Em 1980 é lhe atribuído o prémio de melhor actriz de teatro declamado, pela sua interpretação na peça “Feliz Natal Avozinha” e um ano depois é considerada novamente como a melhor actriz de revista, pela sua interpretação na rábula “A Bagaceira do Chiado”, o que se viria a repetir em 1982, em virtude das suas interpretações na revista “Sem Rei Nem Rock”. A sua carreira terminou em 1987, em virtude do seu internamento, por cancro da mama. Morreu em 20 de Novembro de 1987, no IPO.
Da carreira desta grande senhora convém relembrar três revistas fantásticas:
- “P'ra Trás Mija a Burra”, que apesar de não ter obtido o sucesso esperado deu a Ivone um dos maiores êxitos da sua carreira: os números «Olívia, Olívia» e «A Vira Vestidos».
-“Não Batam Mais no Zézinho”, revista que esteve 14 meses em cena com 13 sessões semanais, onde Ivone Silva se destaca no número “A Velha dos Malmequeres”, entre outros.
- “Isto é Maria Vitória!”, onde Ivone se destaca num recital em homenagem ao TMV: «Um Drama no teatro da Alegria”

In: http://www.fotolog.com/donarevista

 

2017-11-18 16:45 - C.M. Ferreira do Zêzere

A Academia de Música de Ferreira do Zêzere, esteve na Biblioteca Municipal Dr. António Baião.

Os familiares e amigos puderam assistir a pequenos concertos com os alunos e professores da Academia, que demonstraram o trabalho realizado durante as aulas individuais.

Com esta iniciativa deu-se início a uma série de concertos em várias instituições e localidades.

https://bibliotecaferreiradozezere.blogspot.com/

 

 

2017-11-17 12:31 - C.M. Ferreira do Zêzere

A Piscina Municipal de Ferreira do Zêzere vai reabrir ao público na próxima segunda-feira, dia 20 de novembro.
Após uma série de intervenções que obrigaram ao encerramento desta importante infraestrutura municipal, a Piscina Municipal está agora capacitada para receber ainda melhor os seus utentes.
O pavimento do cais da Piscina foi mudado na totalidade, tendo igualmente sido substituída uma parte do fundo da piscina.
Foi também colocado um painel electrónico que informa, em tempo real, as temperaturas da piscina (do ar e da água do tanque).
Passa também a ser possível aceder à Internet, através de Wi-Fi, na galeria onde o público assiste às aulas de Natação.

2017-11-16 10:12 - C.M. Ferreira do Zêzere

A Academia de Música de Ferreira do Zêzere, vai realizar no próximo Sábado, 18 de novembro, na Biblioteca Municipal Dr. António Baião a partir das 15h30, concertos com alunos e professores.

É o início de uma série de concertos em várias instituições e localidades.

Não perca esta oportunidade.

 

 

 

 

2017-11-16 09:36 - C.M. Ferreira do Zêzere

No Dia Mundial da Diabetes, decorreu em frente à Biblioteca Municipal o rastreio de risco da diabetes tipo II e tensão arterial.

Uma iniciativa da Câmara Municipal De Ferreira do Zêzere que integrou o projeto nacional “Não à diabetes! Desafio Gulbenkian”, em parceria com a Unidade De Cuidados Na Comunidade Maria Dias Ferreira (UCCMF do Centro de Saúde Ferreira Do Zêzere) e Farmácia Moderna da Frazoeira.

 

 

2017-11-13 16:16 - C.M. Ferreira do Zêzere

Este e outras informações podem ser consultadas na página da Direção Geral da Saúde em https://www.dgs.pt/ms/14/pagina.aspx?ur=1&id=5518 .
Mais se informa que os serviços de saúde pública estão à vossa disposição para qualquer esclarecimento adicional sobre esta temática.

2017-11-10 12:12 - C.M. Ferreira do Zêzere

Notificado o Sr. Nicolae Marius Matei, NIF 240 558 588 na qualidade de administrador único da empresa Tytec, Tecnologias de Integração, Comunicações e Segurança, S.A., NICP 508 781 590.

2017-11-10 12:11 - C.M. Ferreira do Zêzere

Intervenções de controlo de erosão em linhas de água em zonas afetadas por incêndios.

2017-11-09 16:26 - C.M. Ferreira do Zêzere

Diga “Não à Diabetes”! FAÇA O RASTREIO DE RISCO DE DIABETES TIPO II

Dia 14 DE NOVEMBRO, das 9h-16h, junto à biblioteca municipal. Será atendida pela equipa de enfermagem, toda a POPULAÇÃO NÃO DIABÉTICA, dos 20 E 79 ANOS que queira saber qual o seu risco de diabetes tipo II.

A diabetes é caracterizada por uma produção insuficiente de insulina ou por uma incapacidade do corpo em utilizá-la. Segundo a PREVADIAD – SPD, em 2015, na população com idades compreendidas entre os 20 e 79 anos, 13,3% da população portuguesa era diabética. E ainda, 5,8% destas pessoas não sabiam que o eram, pois a doença não estava diagnosticada. Das pessoas não diabéticas 27,4% já possuía hiperglicemia intermédia ou pré-diabetes que deverá ser valorizada.

A diabetes tipo II, ocorre habitualmente na idade adulta e está associada ao excesso de peso, provocado pelo tipo de alimentação e vida sedentária. Este tipo de diabetes encontra-se a surgir cada vez mais cedo na população jovem.

No entanto tem-se comprovado que a adoção de estilos de vida saudável permite reduzir em 60% a evolução para a diabetes nas pessoas em risco.

Para o ajudar a saber qual o seu risco de vir a desenvolver a doença, a Câmara Municipal De Ferreira Do Zêzere integrou o projeto nacional “Não à diabetes! Desafio Gulbenkian” (http://naoadiabetes.pt/).

Em parceria com a Unidade De Cuidados Na Comunidade Maria Dias Ferreira (UCCMF do Centro de Saúde Ferreira Do Zêzere) e Farmácia Moderna da Frazoeira vai promover vários rastreios, em vários locais no nosso concelho.

 

Aproveite a oportunidade e não se esqueça que mais vale prevenir que remediar!

Pág.: 123
Publicidade | Sobre o Portal Nacional | Termos e Condições | Contactos | Clientes | No Facebook | No Twitter
Portal Nacional - 2009-2017 © Webdados - Tecnologias de Informação, Lda.
Todos os conteúdos são propriedade das entidades responsáveis pelas fontes devidamente assinaladas